Transforme problemas em oportunidades

Marketing agora! - Por Zé Abramo

09/11/2020

Por Priscilla Thevenet*

Problemas ou Oportunidades?

Venho falando muito sobre reinvenção. Sobre como é imprescindível nos desafiarmos e tentarmos algo novo todos os dias. Existem alguns conceitos no marketing, como por exemplo, a criação de personas que são decisivos na elaboração de estratégias e consequente sucesso das ações.

Contudo, engana-se quem pensa que essas ferramentas são imutáveis e não podem ser adaptáveis conforme sua necessidade. Vou dar um exemplo, baseado em um espaço gourmet e cultural de Juiz de Fora, que infelizmente está para fechar suas portas. Vou fechar o espaço de Z.

A persona do espaço Z, são pessoas com mais de 55 anos, moradores de um bairro específico, classe A e B. O espaço sempre teve esse público cativo e consumidor fiel de seu café e eventos. No entanto, em 2020, com a pandemia, esse foi considerado o grupo de risco. Por isso, a grande maioria dessa população optou por permanecer em casa e parar de frequentar locais públicos.

Creio que você já imagina, sem sombra de dúvida, o motivo do espaço Z fechar as portas.

Mudamos a Persona?

Vamos para nossa lição, caro leitor (a), a persona do seu negócio pode mudar sim! E muitas vezes, precisa! No case citado acima, observamos que faltou estratégia e visão ao proprietário desse negócio. As estratégias de marketing e vendas, devem ser desenvolvidas levando em conta mudanças sociais e econômicas.

Isso se aplica diretamente para os fornecedores de serviços, para produtos a situação fica mais complicada. Como vendo um produto que em momentos difíceis não é de extrema necessidade? Criando essa necessidade!

Como posso criar essa urgência?

  1. Ajude seu cliente a reconhecer as suas necessidades.
  2. Passe menos tempo vendendo e mais tempo ouvindo.
  3. Seja claro, objetivo e propositivo.
  4. Entregue valor continuamente.

Por isso, repito, é FUNDAMENTAL pensar em planejamento a médio e longo prazo, e claro levando em conta imprevistos.

Ninguém imaginava que o COVID-19 poderia transformar os padrões e necessidades de consumo. Mas mudou, e muito. Para não ser engolido, é preciso estar atento aos desejos do cliente. E entender, significa saber quando explorar novas frentes e conquistar novos públicos.

Sempre tem alguém querendo consumir o que você oferece. Mas para isso, ele tem que saber que você existe.

Leia Também:

Entrevista com Vampiro (ou o admirável poder da assessoria de comunicação)

Compartilhe: