Vai ali

Blog


Comportamento

15 estilos de tatuagem para se inspirar

por Vai Ali

Foi-se o tempo em que tatuagem era sinônimo de segregação e marginalidade. A realidade hoje é outra e quem curte tattoo tem usado cada vez mais a criatividade para utilizar a arte no corpo. Muito por conta dos tatuadores, cada vez mais capacitados e em busca de crescimento, e da evolução da própria tatuagem e surgimento de novos estilos.

Um breve histórico sobre a tatuagem

A história da tatuagem é milenar. Pra se ter uma ideia, múmias de 2.500 anos atrás foram encontradas com desenhos e inscrições nos corpos. Há indícios de que o Império Romano também utilizava os desenhos para marcar prisioneiros e escravos.

Mas o que hoje chamamos de tatuagem, vem de 1769 quando, em uma expedição à Polinésia, o navegador James Cook conhece a tradição de marcar o corpo com tinta, chamada de “tatao”. Em 1891, o americano Samuel O’Reilly patenteou a máquina de tatuar. No Brasil, o primeiro tatuador profissional, o dinamarquês Knud Gegersen, chegou somente em 1959.

Quer fazer uma tattoo? Se a resposta é sim, se liga nos principais estilos antes de se decidir.

Pontilhismo

No exterior, a técnica é conhecida como dotwork. O cuidado com os detalhes é um dos pontos fortes nas tatuagens de pontilhismo. Pode parecer simples, mas não é nada fácil manter a precisão nos pequenos pontos que formam o desenho.

Old school

Nada mais é do que um culto à cultura vintage, trazendo desenhos de pin-ups, sereias e âncoras. Cores vivas, traços retos e bem definidos e poucas firulas fazem parte do estilo.

Aquarela

A técnica em aquarela virou febre nos estúdios de tatuagem. Por mais delicada e suave que ela possa ser, o profissional precisa de muita destreza para entregar um trabalho impecável. Coloridas e cheias de vida, as tatuagens em aquarela são pura criatividade.

Oriental

O estilo oriental segue o conceito de tratar o corpo como uma obra. Samurais, dragões e carpas são apenas alguns dos elementos mais usados nas tattoos orientais.

Geométrico

A técnica do desenho geométrico pode ir de uma simples arte até algo mais complexo e preciso. Tem um ar sofisticado com retas e círculos em conjunto. As tatuagens geométricas são super delicadas.

Realista

O lance das tatuagens realistas é que precisam ser muito – mas MUITO - fieis à realidade. Os profissionais que trabalham com esse estilo precisam ser muito detalhistas e caprichosos.

Tribal

Antigamente, o desenho tribal funcionava como uma maneira de identificar determinado grupo. Hoje em dia é um estilo mais popular entre os homens. A tribal é, geralmente, toda em preto e traz simbolismos de tempos antigos.

Biomecânico

A tatuagem biomecânica é a mistura de biológica e robótica. Inspirados nas ilustrações de HR Giger, os desenhos desse estilo costumam trazer imagens tridimensionais e que mostrem “como o corpo funciona debaixo da pele”. Chega a dar até um bug na mente.

Maori

Vem de uma cultura Neo Zelandesa que tem muita relação com a tatuagem. São originais, já que alguns desenhos são inspirados na história da pessoa. Círculos, espirais e diferentes símbolos podem compor as tatuagens maoris que são feitas apenas em preto.

Bold line

Está no Top 5 de quem gosta de cultura pop. HQs e desenhos animados são as principais inspirações do estilo, que costuma trazer uma boa variedade de cores, traços fortes e grossos.

Celta

Desenhos com animais, cruzes e outros símbolos são os escolhidos para marcar a pele, normalmente na cor preta. O triskelion é um dos símbolos preferidos dos admiradores dessa cultura — o desenho significa “três pernas” e simboliza o ir e o vir.

Surrealismo

É inspirado no movimento artístico de mesmo nome. Salvador Dalí e Joan Miró são algumas das principais mentes lembradas. As tatuagens nesse estilo misturam formas e cores em um universo próprio, onde tudo é possível.

Trash Polka

Caótico, esse estilo é recente e tem chamado a atenção dos que curtem artes abstratas na pele. Criado pelo alemão Volko Merschky, esse estilo é “uma fusão de realidade e destruição; de natureza e abstrato; de tecnologia e humanidade; passado, presente e futuro; opostos que estão tentando se fundir em uma dança criativa pela harmonia e um ritmo em sintonia com o corpo.”

O Trash Polka mistura formas, cores e desenhos de maneira propositalmente caótica, quase desorganizada. As cores utilizadas são preto e vermelho e reúnem elementos como animais, caveiras e letras.

Black Work

As tatuagens Blackwork, que em tradução livre quer dizer “trabalho em preto”, ou neo-tribal, vêm se destacando há anos e ganhando popularidade em todo o mundo. Ao contrário dos outros estilos de tatuagens, esse estilo não se concentra tanto em significados ou realismo, mas no design, na maior parte, ornamental. Variando de desenhos mais simples aos extremamente elaborados, o Blackwork pode ser usado também para cobrir aquelas tattoos que não gostamos ou que foram mal feitas.

Fine line

Nada menos do que “linha fina”. É uma técnica de traço muito fino, pontual e simétrico. Soma ao desenho um aspecto de leveza, simplicidade e melhor acabamento, sem deixar de lado o poder e a expressividade.

 

Pra conhecer outros estilos de tatuagens e se inspirar ainda mais, confira os quatro episódios da primeira temporada do Inked, o reality show de tatuagens que agitou Juiz de Fora no início do ano, apresentado pela body piercer Leila Miana.

Ah, e se liga, em breve tem nova temporada por aqui!

Leia também

Cadastre-se e receba em primeira mão

nossas promoções, notícias e vídeos