Vai ali

Blog


Esportes

Curiosidades e estatísticas | Copa do Mundo 2018 | Parte 3

por José Roberto Abramo

Continuando nosso giro pelas seleções participantes da copa do mundo 2018, você pode ver algumas curiosidades de equipes badaladas e pouco conhecidas do público.

 

Panamá

O Panamá foi surpresa. Esperava-se a seleção a poderosa seleção dos EUA em seu lugar.

O americanos tropeçaram diante de Trinidad e Tobago (perder foi uma façanha – de um time já eliminado). No final Panamá venceu Honduras e se classificou.

A equipe é fraca e limitada. Na defesa é melhor e o ataque é bastante mediano. A equipe além de tudo está envelhecida.

O destaque é para o jogador Blas Pérez, veterano e artilheiro.

 

Tunísia

Nas eliminatórias a Tunísia manteve um bom nível. Nos amistosos antes da copa a seleção manteve o astral com vitórias importantes. Botaram pressão na Inglaterra na primeira rodada e podem desequilibrar o jogo.

Seu estilo de jogo valoriza os passes rápidos e a posse de bola. E a Tunísia se adapta bem ao adversário. Tem versatilidade no uso de suas funções para tentar impactar, o sistema tático se transforma. E isto tem sido importante como estratégia.

O melhor jogador é Wahbi Khazri com 27 anos, de curriculum cheio. Nascido na França, jogou em vários times franceses oferecendo grande contribuição ofensiva. Ele recuperou a boa forma e é a esperança do time.

O técnico é Nabil Maâloul.

 

Inglaterra

A campanha da esquadra inglesa vem sendo medíocre nos últimos tempos. Foi eliminada como lanterna do seu grupo na Copa 2014 e perdeu nas oitavas da Eurocopa para a Islândia. Depois disso, o treinador Hodgson renunciou ao cargo e Sam Allardyce foi contratado. O segundo foi demitido em apenas dois meses. Gareth Southgate, técnico do sub-21, assumiu o time e chamando jovens jogadores, a Inglaterra classificou-se para a Copa do Mundo de 2018. Vem com um time aguerrido e motivado para interromper o jejum de conquistas.

O melhor jogador é Harry Kane, o Furacão.

 

Colômbia – Japão – Polônia – Senegal

Estas 4 seleções formam o grupo H. E a Colômbia, apesar de ter perdido o primeiro jogo ainda se mantém como favorita, mas precisa mostrar mais futebol para fazer uma boa campanha.

A estrela do time é James Rodríguez do Bayern de Munique.

O técnico da seleção colombiana é o experiente José Pekerman.

 

O Japão teve temporada ruim de amistosos, só conseguindo vencer pouco antes de embarcar para a Rússia.

O técnico do Japão é Akira Nishino e vem à Copa do Mundo trazendo uma equipe que conta com os retornos de Keisuke Honda, Shinji Okazaki e Shinji Kagawa.

 

A Polônia é uma das seleções europeias classificadas para a Copa de 2018. A equipe terminou na liderança do seu grupo. Adam Nawalka é responsável por conseguir dar um senso de coletividade à equipe visando o melhor desempenho dos protagonistas, principalmente Robert Lewandowski.

 

O treinador da seleção Senegalesa é o ex-meio-campista Aliou Cissé. Levou Senegal à Copa Africana de Nações de 2017 e devolveu o Senegal à Copa do Mundo.

A seleção do Senegal classificou-se para a Rússia com muita tranquilidade.

O técnico conta com bom plantel, com jogadores que atuam em grandes times como Liverpool e Napoli, tem um meio-campo da Premier League e nomes como Salif Sané, do Hannover, Moussa Sow, do Bursaspor, e Sadio Mané, craque do Liverpool.

Apesar disto tudo, o técnico tem sido acusado de modelo de jogo defensivo. Mas, está mostrando trabalho e equilíbrio. Surpreendeu no primeiro jogo e deve dar trabalho.

 

Leia também

Cadastre-se e receba em primeira mão

nossas promoções, notícias e vídeos