Vai ali

Blog


Comportamento

Para uma quase namorada

por Laura Conceição

Eu quis escrever esse poema 

Simplesmente por escrever esse poema 

Pra que os olhos Dela que existem como poemas

Possam enxergar com a Alma,

Enxergar com calma 

Os versos desse poema 

 

Pq brincar comigo?

Quebra cabeça 

Quebra a minha cabeça 

Dona da minha cabeça 

É difícil explicar tô travada

É difícil até por em palavras 

Eu sou poeta e me faltam palavras 

Entre rimas e rimas 

Entre palas e palas 

 

 

Se tu desperta esses versos em mim 

Como dizer que são meus ? 

Mas Como dizer que são seus 

Se eu que escrevi ? 

Versos grossos 

Esses versos são nossos 

Eu não quero pra mim 

Eu te quero pra mim 

Se não for só pra mim 

Também pode vir 

Pois não busco posse 

Eu não busco a tosse 

Provocada pelo sufocamento 

Das relações mesquinhas do século XXI

Eu quero vc nos momentos 

Intensos em comum 

De comum acordo 

Sem contrato 

Som contralto 

Da sua voz no meu quintal 

Não sou demais pro seu quintal 

Eu quero ser o seu quintal 

Pra você ver, toda manhã

O Sol  batendo em mim 

Diariamente 

Diferentes  começos e fins 

Meu coração bate por ti

Não tenha medo 

Não há pressão além do dedo

Passeando pelo seu corpo

Se perdendo pelo seu corpo

Mas para além da sua Alma 

 

Eu quero te chamar de amor 

Mas me chame como quiser 

Me chame sempre que der 

Pro que der e vier 

Mas só se você vier 

Me ver novo 

Tenho tanto pra te contar 

Os minutos para contar 

Você a me encantar 

O mundo para enfrentar 

Mas só se vc vier 

Me ver de novo 

No meu peito te abrigo 

Então quando é que vc vem 

Viver comigo ? 

Será que vc vem ? 

 

Vc gasta minha onda 

E eu tiro onda 

Com você do meu lado 

Eu tô falando a real 

E não é real de dinheiro 

Pois sempre ganho o ano inteiro 

Quando um segundo do seu lado 

O cheiro da sua presença é mais gostoso

O ar que tu respira menos poroso 

Tudo de mais feio fica menos horroroso  

É que são só para ti esses dois olhos no meu rosto 

Vamo pra paraty 

Pegar um sol curtiu uma brisa?

Tô amando você 

Cê ama de volta ? 

É minha pesquisa 

 

Eu tenho calma 

Quem tem pressa corre demais 

Eu tenho Alma 

Tem pressa morre demais 

Eu morro mais de uma vez por dia 

O que me mata é seu sorriso 

Mas renasço em poesia 

Entre versos imprecisos 

Versos que são precisos 

Versos do dia a dia 

 

Por Laura Conceiçao 

Leia também

Cadastre-se e receba em primeira mão

nossas promoções, notícias e vídeos